Instanciações de gêneros em fábulas: um estudo na perspectiva sistêmico-funcional

Mhdi Ibrahim Bader Khun, Cristiane Fuzer

Resumo


Este trabalho objetiva revelar gêneros da família das estórias instanciados em fábulas presentes em livros didáticos dos anos finais do ensino fundamental. A partir da abordagem sistêmico-funcional de gênero (MARTIN e ROSE, 2008; ROSE e MARTIN, 2012), são analisadas ocorrências do sistema de transitividade (HALLIDAY e MATTHIESSEN, 2004; FUZER e CABRAL, 2014) e do subsistema atitude do sistema de avaliatividade (MARTIN e WHITE, 2005) para identificação da estrutura esquemática de gênero (etapas e fases) e do propósito sociocomunicativo dos textos selecionados. Os resultados evidenciaram a instanciação do gênero exemplum em maior frequência, seguido dos gêneros narrativa e relato.

PALAVRAS-CHAVE: Linguística Sistêmico-Funcional; Gêneros; Estórias; transitividade; avaliatividade



Palavras-chave


Linguística Sistêmico-Funcional; Gêneros; Estórias; transitividade; avaliatividade

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Língua Portuguesa. Brasília: MEC/SEF, 1998.

CAREL, M. Análise argumentativa de uma fábula de La Fontaine. Letras de Hoje, Porto Alegre, v. 43, n. 1, p. 19-26, jan./mar. 2008.

COELHO, N. N. A literatura infantil: história, teoria e análise: das origens orientais ao Brasil de hoje. 2. ed. São Paulo: Quíron/Global, 1982.

COELHO, N. N. A literatura infantil: história, teoria e análise. 3. ed. São Paulo: Quíron, 1984.

COELHO, N. N. Literatura Infantil: teoria, análise, didática. 7. ed. São Paulo: Moderna, 2000.

FARENCENA, G.S.; FUZER, C. A caracterização da fábula a partir de seu Potencial de Estrutura Genológica (PEG). Revista Linguagem e Ensino, Pelotas, v.15, n.1, p. 65-86, 2012.

FIORIN, J.L. Linguagem e ideologia. 3. ed. São Paulo: Ática, 2003.

FUZER, C. Leitura e escrita em língua portuguesa na perspectiva sistêmico-funcional. Projeto de pesquisa registro GAP/CAL 037375. Santa Maria; UFSM, 2014.

FUZER, C.; CABRAL, S.R.S. Introdução à Gramática Sistêmico-Funcional em Língua Portuguesa. Campinas: Mercado de Letras, 2014.

FUZER, C. Ateliê de Textos: Práticas orientadoras para o processo de produção e avaliação de textos na perspectiva sistêmico-funcional. Projeto de extensão registro GAP/CAL 040190. Santa Maria: UFSM, 2016.

FUZER, C.; GEHRARDT, C.C.; WEBER, S. Etapas e fases da narrativa em O Pequeno Polegar: análise de gênero na perspectiva sistêmico-funcional. Cadernos do IL, Porto Alegre, n. 52, p. 162-181, 2016.

HALLIDAY, M. A. K. Part I. In: HALLIDAY, M. A. K.; HASAN, R. (Ed.). Language, context, and text: aspects of language in a social semiotic perspective. Oxford: Oxford University Press, 1989.

HALLIDAY, M.A.K. An Introduction to Functional Grammar.2ª ed., London: Edward Arnold, 1994.

HALLIDAY, M.A.K.; MATTHIESSEN, C.M.I.M. An Introduction to Functional Grammar. 3. ed., London: Arnold, 2004.

HASAN, R. Part II. In: HALLIDAY, M. A. K.; HASAN, R. (Ed.). Language, context, and text: aspects of language in a social-semiotic perspective. Oxford: Oxford University Press, 1989.

JORDENS, C. Reading of stories about values: a discursive study of cancer survivors and their caregivers. PhD Thesis: University of Sydney, 2002.

LABOV, W.; WALETZKY, J. Narrative analysis. In: HELM, J. (Ed.). Essays on the Verbal and Visual Arts. Seattle: U. of Washington Press, 1967. p. 12-44.

MARTIN, J.; WHITE, R. The language of evaluation: appraisal in English. Nova York, Hampshire: Palgrave Macmillan, 2005.

MARTIN, J.; ROSE, D. Genre Relations: Mapping Culture. London: Equinox, 2008.

PLATÃO, F.; FIORIN, J.L. Lições do texto: leitura e redação. 5. ed. São Paulo: Ática, 2006.

PLUM, G. Text and Contextual Conditioning in Spoken English: A Gender-Based Approach. Doctoral thesis. University of Sydney, 1988.

ROSE, D.; MARTIN, J. Learning to Write, Reading to Learn: Genre, Knowledge and Pedagogy in the Sydney School. London: Equinox, 2012.

SOUZA, M.A. de. Interpretando algumas fábulas de Esopo. Rio de Janeiro: Thex Ed, 2003.

TARDIVO, L.S.P.C.; PINTO JR., A.A.; SANTOS, M.R. Avaliação psicológica de crianças vítimas de violência doméstica por meio do teste das fábulas de Düss. PSIC - Revista de Psicologia da Vetor Editora, v. 6, n. 1, p. 59-66, Jan./Jun. 2005.

VIEIRA, T.P.; PRAXEDES FILHO, P.H.L. Subcompetência bilíngue e metarreflexão: uma intervenção pedagógica com tradutores em formação sobre aspectos da tessitura textual via Linguística Sistêmico-Funcional. Revista Veredas Atemática, Juiz de Fora, v.19, n.2, p. 71-93, 2015.

WHITE, P.R.R. Valoração: a linguagem da avaliação e da perspectiva. Linguagem e(m) Discurso, v.4, n. Especial, 2004.




DOI: http://dx.doi.org/10.35572/rlr.v6i3.862

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista Letras Raras

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexadores:

           


Siga-nos nas redes sociais:

 


VISITANTES NO MUNDO DA REVISTA LETRAS RARAS: