JOGOS DIGITAIS DE ALFABETIZAÇÃO: UM PANORAMA PEDAGÓGICO DE ALGUMAS PRODUÇÕES ACADÊMICAS BRASILEIRAS

Chris Royes Schardosim, Thiago Ribeiro Alves

Resumo


Este artigo realiza, a partir do recorte da pesquisa de Mestrado, um levantamento de algumas produções acadêmicas brasileiras que abordam a temática dos jogos digitais de alfabetização buscando problematizar as teorias de aprendizagem aplicadas ou não na elaboração desses jogos. Os jogos analisados neste artigo demonstram a necessidade de uma intervenção interdisciplinar (FAZENDA, 2008) na produção, desenvolvimento e aplicação desse tipo de ferramenta, em especial no campo da alfabetização. Em alguns casos, as produções acadêmicas analisadas, embora apresentem avanços significativos, ainda carecem de maior debate, problematização e embasamento sobre as teorias pedagógicas e os processos educativos envolvidos nos jogos digitais de alfabetização.

Palavras-chave


Alfabetização. Jogos Digitais. Processos Educativos. Recursos tecnológicos na aprendizagem.

Texto completo:

PDF

Referências


BASSO, Maik; KLISZCZ, Silvana; PARREIRA, Fábio J; SILVEIRA, Renato S. Jogo educacional digital para auxílio à alfabetização utilizando redes neurais. Revista EducaOnline. Rio de Janeiro, v. 10, n. 2, p. 20-37, maio/ago. 2016.

BOURGUIGNON, Jussara Ayres; OLIVEIRA, Jordana de; REGINA, Charli. Análise de conteúdo: um instrumento para a pesquisa em ciências sociais. I Congresso internacional de política social e serviço social: Desafios contemporâneos. Londrina: Universidade Estadual de Londrina, 2015. Disponível em: http://www.uel.br/pos/mestradoservicosocial/congresso/anais/Trabalhos/eixo4/oral/8_analise_de_conteudo....pdf. Acesso em: 5 out. 2019.

CAFIERO, Delaine; COSCARELLI, Carla. Competências e habilidades na alfabetização: como construir uma matriz de desempenho para um jogo? Revista Língua Escrita. Belo Horizonte, n. 2, p. 88-96, dezembro. 2007. Disponível em http://www.ceale.fae.ufmg.br/app/webroot/files/uploads/revista%20lingua%20escrita/LinguaEscrita_2.pdf. Acesso em: 18 out. 2019.

COSCARELLI, Carla. Projeto ALADIM: jogos digitais e novas interfaces para alfabetização. Revista Triângulo. Uberaba, v. 6, n. 2, p. 4 -15.

FAZENDA, Ivani (Org.). O que é interdisciplinaridade? São Paulo: Cortez, 2008.

FLEURY, Afonso; NAKANO, Davi; CORDEIRO, José Henrique Dell Osso (Coord.). Mapeamento da Indústria Brasileira de Jogos Digitais. São Paulo: NPGT / Escola Politécnica / USP, 2014.

GOOGLE LLC. [www.google.com.br] Filtros no Google Play. Disponível em: https://developer.android.com/google/play/filters?hl=pt-br#see-also. Acesso em: 1 nov. 2019.

GUEDES, Paulo Coimbra; SOUZA, Jane Mari de. Leitura e escrita são tarefas da escola e não só do professor de português. In: NEVES, Iara Conceição Bitencourt. (Org.) Ler e escrever: compromisso de todas as áreas. 9. ed. Porto Alegre: Editora UFRGS, 2011. p. 19-24

KARLINI, Diênifer; RIGO, José Sandro. ABCLINGO: Integrando Jogos Sérios e Mineração de Dados Educacionais no Apoio ao Letramento. XIII SBGames, 2014, Porto Alegre. p. 1149-1152.

RIBEIRO, Andréa Lourdes. Aquisição da escrita na era virtual: incorporando os jogos digitais on-line. Domínios de Lingu@gem. Uberlândia, v. 6, n. 2, p. 111-127, 2012.

ROYES SCHARDOSIM, Chris; ALVES, Thiago Ribeiro. Alfabetização, literacia e letramento: diferentes conceitos de um caminho comum. LínguaTec, v. 4, p. 76-93, 2019.

ROYES SCHARDOSIM, Chris; FUSINATO, Suélen. Alfabetização: uma proposta interdisciplinar. Revista Querubim (Online), v. 1, p. 97-103, 2017.

SOARES, Magda. Alfabetização no Brasil: o estado do conhecimento. Brasília: INEP/MEC, 1989.

TRIVIÑOS, Augusto Nibaldo Silva. Introdução à pesquisa em ciências sociais: a pesquisa qualitativa em educação. São Paulos: Atlas, 1987.

YIH AN, Ding; SILVA, Cesar D. da; RIBEIRO, Danton M. G; ROCHA, Perla B. R. da; MALTINTI, Caio; NUNES, Vanessa B; FÁVERO, Rutinelli. Digita – um jogo educativo de apoio ao processo de alfabetização infantil. II Congresso Brasileiro de Informática na Educação, São Paulo, p. 154-163, 2013.




DOI: http://dx.doi.org/10.35572/rle.v20i1.1654

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




____________________________________________________________________________________________________________________________________________________

A Revista Leia Escola consta nos seguintes indexadores, bancos de dados e bibliotecas

                                                   

 

__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

A  Revista Leia Escola está licenciada com a Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

 Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais... _______________________ _< __________________________________________________