EFEITO DA SALINIDADE DA ÁGUA DE IRRIGAÇÃO NA PRODUÇÃO DE MARACUJAZEIRO-AMARELO

Paula C. Viana, João G. A. Lima, Francisco Cassio Gomes Alvino, Jose Raimundo de Sousa Junior, Édipo C. Gomes, Karinne C. Viana

Resumo


O maracujazeiro amarelo (Passiflora edulis f. flavicarpa Deg.) é uma frutífera de expressiva importância sócio-econômica para quase todos os Estados brasileiros. O experimento teve como objetivo estudar a produção do maracujazeiro-amarelo (Passiflora edulis Sims. f. flavicarpa Deg.) submetido a diferentes níveis de salinidade da água de irrigação desde o transplantio até a colheita dos frutos. As mudas utilizadas foram produzidas sob quatro níveis de salinidade da água de irrigação - CEa (0,5; 2,5; 5,0 e 7,5 dS m-1). No preparo da solução para irrigação foi utilizado o cloreto de sódio (NaCl) para se obter o valor esperado. As variáveis analisadas PMTF (peso médio do total de frutos), EC (espessura da casca), CMF (comprimento médio dos frutos) e DM (diâmetro) não apresentaram diferença significativa entre os tratamentos a 5%. A água salina reduziu em 17,59%.  o  peso médio do total de frutos entre o tratamento 1( CEa 2,5 dS.m-1)  e o tratamento 3 (CEa 5 dS.m-1) . Resultados semelhantes foram encontrados por Soares (2008), em que não obteve diferença estatística ao nível de 5% porém houve observação na diminuição do peso médio dos frutos até o nível de 5,0 dS.m-1. Com base nos resultados obtidos, pode-se dizer que a água com CEa > 2,5 dS m-1 afeta significativamente na produção do maracujazeiro-amarelo.

Palavras-chave


condutividade elétrica, manejo de água, Passiflora edulis f. flavicarpa Deg.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.30969/acsa.v8i1.211

Apontamentos

  • Não há apontamentos.