Fitotoxicidade de água superficial da Região Metropolitana de São Paulo utilizando bioensaio com Sinapis alba

Resumo

Esta pesquisa teve por objetivo avaliar a fitotoxicidade de águas superficiais da Região Metropolitana de São Paulo utilizando bioensaios com Sinapis alba (sementes de mostarda), bem como a sua relação com a condutividade elétrica e sólidos dissolvidos totais. Foram realizadas 3 coletas no período de seca de 2017 (menor diluição de poluentes). As coletas foram realizadas em triplicata, em duas estações de amostragem (Referência e Córrego Ribeirão Pires). As variáveis respostas observadas foram: o crescimento radicular da S. alba, a porcentagem relativa de germinação, a porcentagem relativa de crescimento radicular, o Índice de Germinação (IG), além da aferição in locu da condutividade elétrica e dos sólidos dissolvidos totais, utilizando sonda multiparamétrica. As amostras da estação Referência foram classificadas como não fitotóxicas (IG = 93,55 ± 0,17%), enquanto as amostras do Córrego Ribeirão Pires apresentaram fitotoxicidade moderada (IG = 70,88 ± 0,25%). Desse modo, o despejo de águas residuárias no Córrego Ribeirão Pires oferece risco à manutenção da qualidade da água da Represa Billings, onde esse córrego deságua.

Referências

ABNT, 2012. NBR 15411-3: Ecotoxicologia aquática - Determinação do efeito inibitório de amostras aquosas sobre a emissão da bioluminescência de Vibrio fischeri (ensaio de bactéria luminescente) - Parte 3: Método utilizando bactérias liofilizadas.
ABNT, 2016. NBR 12713: Toxicidade aguda - Método de ensaio com Daphnia spp (Crustacea, Cladocera).
Belo, S. R. S. 2011. Avaliação de fitotoxicidade através de Lepidium sativum no âmbito de processos de compostagem. Dissertação de Mestrado, Universidade de Coimbra, Coimbra. 79p.
Bernal, M., Alburquerque, J., Moral, R., 2009. Composting of animal manures and chemical criteria for compost maturity assessment. A review. Bioresource Technology, 100(22): 5444-5453.
Burton JR; Allen G.; Baudo, R.B., Monica, B. 2001. Assessing sediment contamination using six toxicity assays. Journal of Limnology, 60(2): 263-267.
Brasil, 2005. Resolução CONAMA n. 357 de 18 de março de 2005. Brasília, DF: Ministério do Meio Ambiente. Acesso em: 27/05/2018.
CETESB, 2013. Controle Ecotoxicológico de Efluentes Líquidos no Estado de São Paulo. Acesso em 02/05/2018.
CETESB. 2014. Apêndice D – Índice de qualidade das águas. Acesso em 21/03/2018
Dash, A. K. 2012. Impact of domestic waste water on seed germination and physiological parameters of rice and wheat. International Journal of Research and Reviews in Applied Sciences, 12(2): 280-286.
DataGeo, 2017. Infraestrutura de Dados Espaciais Ambientais do Estado de São Paulo. Acesso em 07/03/2018.
De Oliveira, T.A. 2012. Metais presentes na água e em tecidos de peixes da Represa Billings: uma avaliação temporal. Dissertação de Mestrado, Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares, São Paulo. 215p.
Gasparotto, F. A.; 2011. Avaliação Ecotoxicológica e Microbiológica da água de nascentes urbanas no município de Piracicaba-SP, Dissertação de Mestrado, Universidade de São Paulo. Piracicaba, 90p.
Guerra, R. C. 2009. Estudo do lodo gerado em reator biológico, pelo tratamento da água de produção do petróleo, no Terminal marítimo Almirante Barroso, município de São Sebastião, SP, visando sua disposição final. Dissertação de Doutorado, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro. 126p.
Hammer, Ø.; Harper, D.A.T.; Ryan, P.D. 2001. PAST: Paleontological statistics software package for education and data analysis. Palaeontologia Electronica, 4(1): 1-9.
Hillis, D.G.; Fletcher, J.; Solomon, K.R.; Sibley, P. 2011. Effects of ten antibiotics on seed germination and root elongation in three plant species. Archives of Environmental Contamination and Toxicology. 60(2): 220-232.
Reali, M.A.P.; Paz, L.P.S.; Daniel, L.A. 2013. Tratamento de água para consumo humano. In. Calijuir, M.C.; Cunha, D.G.F. (1 ed). Engenharia Ambiental: Conceitos, Tecnologia e Gestão. Elsevier, Rio de Janeiro. p.405–453.
Santo André. 2014. A Represa Billings e o município de Santo André. Acesso em: 15/02/2017.
SABESP, 2017. Boletim dos Mananciais. Acesso em 14/07/2017.
Vieira, L.A. 2016. Compostagem de biossólido de estação de tratamento de efluentes de frigorífico com serragem e cama de aves. Dissertação de Mestrado, Universidade Federal de Pelotas, Rio Grande do Sul, 66p.
Waissmann, W. 2002. Health surveillance and endocrine disruptors. Cadernos de Saúde Pública, 18(2): 511-517.
Trautmann, N.; Krasny, M. 1997. Composting in the Classroom, Scientific Inquiry for High School Students. Ed. Cornell University, Ithaca, New York, p 79-83.
Publicado
2018-05-28
Como Citar
KOHATSU, Marcio Yukihiro et al. Fitotoxicidade de água superficial da Região Metropolitana de São Paulo utilizando bioensaio com Sinapis alba. Acta Brasiliensis, [S.l.], v. 2, n. 2, p. 58-62, maio 2018. ISSN 2526-4338. Disponível em: <http://revistas.ufcg.edu.br/ActaBra/index.php/actabra/article/view/85>. Acesso em: 22 jun. 2018. doi: https://doi.org/10.22571/2526-433885.
Seção
Ecotoxicologia

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

##plugins.generic.recommendByAuthor.noMetric##