Morphometry and initial growth of Copaifera pubiflora exposed to vegetable land produced in composting

Abstract

This research aimed to assess the emergence and initial growth of Copaifera pubiflora Benth. (copaibeira) exposed to vegetable land produced in school composting. The seeds of C. pubiflora were collected in the area of the riparian forest of Boa Vista, Roraima and classified as size (small or large) and performed the biometric characterization (length, diameter and mass of the seed). The experiment consisted of six different doses of vegetable land (0, 20, 40, 60, 80 and 100%) in sterile sand. The variables evaluated responses were: emergency percentage of seedlings, height of the aerial part, diameter of the stem and dry matter of seedlings. There was significant difference in the quality of seedlings of C. pubiflora cultivated according to the size of seeds and doses of vegetable land. Plants originating from large seeds have better quality in the measured variables. The use of vegetable land in doses greater than 20 and 40% interferes negatively in the emergence of small and large seeds of C. pubiflora, respectively. The initial growth of plants from C. pubiflora is benefited when using doses of up to 60% of vegetable land and 40% of sterile sand, for both seed sizes.

Downloads

Download data is not yet available.

References

Andrade Jr., M.A. 1998. Sementes de Copaifera officinalis L. Caesalpiniaceae: uma abordagem autoecológica, fisiológica e tecnológica. Dissertação de mestrado. Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia: Manaus: 114p.
Augusto, D.C.C.; Guerrini, I.A.; Engel, V.L.; Rouseau, G.X. 2003. Utilização de esgotos domésticos tratados através de um sistema biológico na produção de mudas de Croton floribundus Spreng. (capixingui) e Copaifera langsdorffii Desf. (copaíba). Árvore, 27(3): 335-342.
Ayers, R.S.; Westcost, D.W. 1985. Water quality for agriculture. FAO, Roma, 174p.
Brasil. 2009. Instrução Normativa SDA N° 25, de 23 de julho de 2009. Brasília: Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento.
Brasil. 2010. Lei nº 12.305, de 2 de agosto de 2010. Brasília, DF: [s.n]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2010/lei/l12305.htm. Acesso em: abril de 2017.
Brasil. 2009. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Regras para análise de sementes. Brasília: Mapa/ACS, 399 p.
Brum, H.D.; Mesquita, M.R.; Ferraz, I.D. K. 2007. Descrição Comparativa dos Propágulos e Plântulas de Copaifera multijuga Hayne e Copaifera officinalis Jacq. (Fabaceae). Biociências, Porto Alegre, 5(1):351-353.
Dutra, T.R.; Massad, M.D.; Sarmento, F.Q.; Oliveira, J.C. 2013. Substratos alternativos e métodos de quebra de dormência para a produção de mudas de canafístula. Ceres, 60(1): 72-78.
Dutra, T.R.; Grazziotti, P.H.; Santana, R.C.; Massad, M.D. 2015. Qualidade de mudas de copaíba produzidas em diferentes substratos e níveis de sombreamento. Floresta, 45(3): 635-644.
Ferreira, D. F. 2011. Sisvar: a computer statistical analysis system. Ciência e Agrotecnologia, 35(6): 1039-1042.
Jeromini, T.S.; Fachinelli, R.; Silva, G.Z.; Pereira, S.T.S. 2017. Emergência de plântulas e crescimento inicial de copaíba sob diferentes substratos. Pesquisa Florestal Brasileira, 37(90): 219-223.
Kiehl, E. J. 1985. Fertilizantes Orgânicos. 1a ed. Editora Agronômica Ceres Ltda., Piracicaba, 492p.
Kiehl, E.J. 2012. Manual de compostagem: maturação e qualidade do composto. 6ª ed. Agronômica Ceres Ltda., Piracicaba, 171p.
Marques, C.S.; Pereira, M.J.C.; Guimarães, P.V.P.; Araújo, S.L.F. 2017. Experiência de educação ambiental em escola pública de Boa Vista-RR: conhecendo e aproveitando resíduos escolares. In: Aguiar, W. J. De; El-deir, S. G; Bezerra, R. P. L. (2. ed.). Resíduos sólidos: abordagens práticas em educação ambiental. v.1. Editora Universitária da Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, Pernambuco, p. 64-73.
Martins-da-Silva, R.C., Pereira, J.F., Lima, H.C. 2008. O gênero Copaifera (Leguminosae - Caesalpinioideae) na Amazônia brasileira. Rodriguésia, 59(3): 455-476.
Pereira, R.S.; Ranal, M.; Dorneles, M.C.; Santana, D.G.; Borges, K.C.F.; Carvalho, M.P. 2007. Emergência de plântulas de Copaifera langsdorffii Desf. Revista Brasileira de Biociências, 5(2): 1005-1007.
Ros, C.O.; Rex, F.E.; Ribeiro, I.R.; Kafer, P.S.; Rodrigues, A.C.; Silva, R.F.; Somavilla, L. 2015. Uso de substrato compostado na produção de mudas de Eucalyptus dunnii e Cordia trichotoma. Floresta e Ambiente, 22(4): 549-558.
Santos, C.B.; Longhi, S.J.; Hoppe, J.M.; Moscovich, F.A. 2000. Efeito do volume de tubetes e tipos de substratos na qualidade mudas de Cryptomeria japonica (L.F.) D. Don. Ciência Florestal, 10(2): 1-15.
Santos, A.M.L.; Martins, R.M.L.; Souza, R.D.; Mota, R.M.F.; Fernandes, C.T. 2014. Incentivo ao uso da compostagem de resíduos sólidos em uma horta escolar do município de Jaciara-MT. Unopar Científica: Ciências Humanas e Educação, 15(0): 321-329.
Silva, R.P.; Peixoto, J.R.; Junqueira, N.T.V. 2001. Influência de diversos substratos no desenvolvimento de mudas de maracujazeiro azedo (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa DEG). Fruticultura, 23(2): 377-381.
Shanley, P.; Leite, A.; Alechandre, A.; Azevedo, C. 2005. Copaíba. In Shanley, P., Medina, G. (EDS.). Frutíferas e plantas úteis na vida amazônica. 1a ed. CIFOR/ Imazon, Belém, 300p.
Varela, V.P.; Costa, S.S.; Ramos, M. B.P. 2005. Influência da temperatura e do substrato na germinação de sementes de itaubarana (Acosmium nitens (Vog.) Yakovlev) -Leguminosae, Caesalpinoideae. Acta Amazonica, Manaus, 35(1): 35-39.
Veiga Junior, V.F.; Pinto, A.C. 2002. O gênero Copaifera L. Química Nova, 25(2): 273-286, 2002.
Vieira, R.F.; Silva, S.R. 2002. Estratégias para conservação e manejo de recursos genéticos de plantas medicinais e aromáticas: resultados da 1ª reunião técnica. Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia, Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Brasília, p.146-150.
Vieira, C.R.; Weber, O.L. dos S. 2015. Influência do substrato na produção de mudas de espécies medicinais. Nativa, 3(2): 135-142.
Published
2018-01-20
How to Cite
MARQUES, Carolina Soares et al. Morphometry and initial growth of Copaifera pubiflora exposed to vegetable land produced in composting. Acta Brasiliensis, [S.l.], v. 2, n. 1, p. 1-5, jan. 2018. ISSN 2526-4338. Available at: <http://revistas.ufcg.edu.br/ActaBra/index.php/actabra/article/view/66>. Date accessed: 24 jan. 2020. doi: https://doi.org/10.22571/2526-433866.
Section
Agroecology